Atendimento/Televendas

  • (11) 3583-0450
  • WPP: (11) 96356-0323

Conheça as doenças mais comuns em cães

Doenças comuns em cachorro

Muitas doenças caninas comuns tem tratamento ou podem ser prevenidas com vacinas.

Cães são suscetíveis a muitas doenças transmitidas pelo contato com cães infectados ou animais selvagens. Aqui estão as doenças caninas mais comuns:

Raiva Canina

A raiva canina é causada por um vírus e costuma ser fatal nos animais que apresentam os sintomas da doença. O vírus é espalhado pela saliva, seja por uma mordida de um animal infectado ou por saliva que contamina uma ferida na pele. Além disso, qualquer contato com animais selvagens, pode trazer risco de infecção por raiva. Guaxinins e outros animais selvagens podem ser vetores do vírus da raiva e estar presentes em áreas onde os cães se reúnem. A infecção pela raiva pode ser prevenida através de vacinação.

Cinomose Canina

Cinomose Canina é causada por um vírus muito contagioso. Filhotes e cães adultos geralmente contraem a doença através de secreções respiratórias de cães infectados ou partículas do vírus no ar. Cães infectados costumam apresentar febre, corrimento ocular e nasal, tosse, diarreia, vômitos, convulsões e paralisia. A doença é muitas vezes fatal. Felizmente, há uma vacina eficaz para proteger seu cão.

Parvovirose Canina

Parvovirose Canina ou Parvo é causada pelo parvovírus. O vírus é muito contagioso e ataca o sistema gastrointestinal, causando vômito, febre e diarreia grave. É transmitido através do contato direto entre cães, bem como por fezes contaminadas, contato com o piso, tigelas, coleira, e até mãos ou roupas das pessoas. O vírus é muito resistente e capaz de sobreviver cerca de dois meses em ambientes internos e durante anos ao ar livre. Infelizmente muitos cães podem morrer mesmo recebendo tratamento. A melhor alternativa é a prevenção através da vacina.

Gripe Canina

A gripe canina é causa pelo vírus influenza. Como a maioria dos cães não foram expostos ao vírus, seus sistemas imunológicos não são capazes de responder efetivamente ao vírus e muitos deles são infectados quando expostos. A doença é transmitida através de secreções respiratórias, objetos contaminados, incluindo comedouro e coleira. O vírus pode sobreviver por até 48 horas em superfícies, 24 horas em roupas, e 12 horas nas mãos das pessoas.

Cães podem transmitir o vírus antes mesmo de apresentar sintomas, o que significa que um cão aparentemente saudável ainda pode infectar outros. Entre os sintomas estão tosse, febre e corrimento nasal.

Existe uma vacina para a gripe canina, mas neste momento não é recomendada para todos os cães. Consulte o seu veterinário para determinar se seu cão precisa da vacina.

Dirofilariose

A dirofilariose é causada por parasitas que se alojam no coração do seu cão, causando danos no coração, vasos sanguíneos e pulmões. A doença é transmitida por mosquitos, e por isso é mais comum em períodos mais quentes do ano e em regiões litorâneas. Entre os sintomas estão tosse, problemas respiratórios, fraqueza, doença cardíaca e perda de peso.

Durante o tratamento podem ser feitos vários exames para identificar o parasita, como análise de amostra de sangue no microscópio, ecocardiograma, hemograma, entre outros. É possível tratar totalmente a doença, caso o diagnóstico seja precoce. O tratamento é realizado através do uso de vermífugos.

Doença de Lyme

A doença de Lyme também conhecida como borreliose é causada por uma bactéria chamada Borrelia burgdorferi, que é transmitida através da picada do carrapato. Quando está na corrente sanguínea, a bactéria se espalha para as articulações e causa dores. Os sintomas podem ser perda de apetite, vômito, dor, febre e inflamação nas articulações que fazem o cão a mancar. Se não for tratada, a doença pode ser fatal. A doença de Lyme pode ser tratada com antibióticos e prevenida com a vacinação. Verifique se há carrapatos no seu pet após exposição ao ar livre. Uma alternativa é utilizar coleiras anticarrapatos que repelem essas pragas. 

Telefone
WhatsApp